O Cascavel Clube Recreativo que acabou de conquistar uma vaga na primeira divisão do Campeonato Paranaense, pode abandonar a competição de 2019 antes mesmo de começar. Uma dívida de R$ 22 mil referente a aluguéis contraída em 2009 está tirando o sono do presidente, Tony Di Almeida. Ocorre que o valor atualizado da dívida é de R$ 160 mil.

Se o Cascavel CR não encontrar uma forma de resolver a pendência terá que pedir licença à Federação Paranaense de Futebol e, consequentemente, só poderá voltar ao futebol em 2021 e ainda pela terceira divisão. Se isso acontecer, o Independente de São José dos Pinhais, terceiro colocado na segundona de 2018, deve ser convocado para jogar disputar a divisão de elite deste ano.

A estreia do Cascavel CR no Paranaense estava prevista para o dia 19, contra o Athetico, em Curitiba.

As informações são do jornal Hoje News.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *