A safra 2018/2019 de soja do Paraná deve ter uma quebra de 12% em seu potencial produtivo, chegando a 16,8 milhões de toneladas. A revisão de estimativa de produção foi divulgada nesta quinta-feira (24), pelo Departamento de Economia Rural (Deral).

No início do ciclo, a perspectiva era de que a produção chegasse a 19,1 milhões de toneladas. Levando-se em conta os preços de mercado, o prejuízo aos produtores deve girar em torno dos R$ 3 bilhões.

Esta é a primeira quebra após sete safras consideradas boas. Uma das regiões mais afetadas é o Oeste, onde o prejuízo é bem maior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *