A apresentação do relatório quadrimestral do Observatório Social nesta segunda-feira (13) talvez tenha sido a mais tranquila desde a fundação da entidade. Somente em um momento os ânimos se exaltaram um pouco, quando o Assessor Especial do Gabinete da prefeitura, João Bosco, questionou a apresentação de dados relativos a uma licitação de banheiros químicos na festa do município.

No entendimento do Observatório, o edital estava confuso, o que não foi aceito pelo assessor, que pediu inclusive o recolhimento do jornal com a apresentação dos dados, que foi distribuído.

Fora este momento, o evento seguiu tranquilo, inclusive com elogios por parte de pessoas ligadas ao governo municipal, reconhecendo a contribuição do Observatório. O vice-prefeito Silvestre Cottica, em sua manifestação apenas lamentou que tal trabalho de acompanhamento social não existe há mais tempo no município. “É uma pena que o OSB não exista a pelo menos 8 ou 10 anos”, comentou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *