Morreu nesta quinta-feira (21), aos 94 anos, Antonio Soares Neto, Toniquinho (foto), o homem que influenciou o presidente Juscelino Kubitschek a construir Brasília.

Aos 29 anos, este vendedor de seguros do interior de Goiás fez uma pergunta que mudou a história do país. Em 1955, Antônio Soares Neto indagou ao então candidato à presidência JK se, uma vez eleito, cumpriria a Constituição e mudaria a capital do Rio de Janeiro para o Planalto Central.

Graças ao gesto, JK começou a planejar e, mais tarde, construiu a nova capital. A partir de então, Toniquinho ganhou o apelido de Pai de Brasília. Agora, a capital se torna órfã.

A construção de Brasília aconteceu entre os anos de 1956 a 1960

Com informações do Correio Braziliense

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *