O cargo de membro suplente da mesa diretiva da Câmara Municipal de Marechal Cândido Rondon anda passando por uma crise existencial. Ninguém quer!

Primeiro foi o vereador Ronaldo Pohl (PSD) que no ano passado renunciou ao cargo depois de um atrito com o então presidente da Casa, Pedro Rauber (DEM).

Agora é Josoe Pedralli (MDB), que foi eleito e sequer assumiu efetivamente a função e já abandonou o cargo. Alegou motivos profissionais.

Os cargos da mesa diretiva da Câmara rondonense são cinco: presidente, vice-presidente, primeiro secretário, segundo secretário e membro suplente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *