O episódio envolvendo o filho, Flávio Bolsonaro, está começando a arranhar a imagem do presidente da República, Jair Bolsonaro. A falta da apresentação de uma justificativa para os depósitos de R$ 96 mil na conta do deputado estadual e senador eleito começa a incomodar integrantes da equipe do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro (foto).

Neste sábado (19), Flávio visitou o pai no Palácio da Alvorada. Havia a expectativa de que o parlamentar desse explicações após o encontro. Mas, isso não aconteceu.

A demora por uma reação consistente está causando desconforto entre setores do governo. Além do grupo de Moro, militares não escondem o incômodo, apesar de manterem a defesa enfática do presidente.

As informações são da Gazeta do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *