A prefeitura de Marechal Cândido Rondon chamou de investimento o prejuízo que teve na última edição da Oktoberfest. A recente prestação de contas feita pela Fundação Promotora de Eventos (PROEM) apontou uma diferença de R$ 91.605,77 entre receita e despesa do evento.

Mas, no entendimento dos organizadores, essa diferença não foi prejuízo, foi investimento no resgate cultural da festa. Tá mais pra chopp derramado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *