A exemplo de centenas de outros municípios do Brasil, Marechal Cândido Rondon também está empenhado na mobilização nacional denominada “sanciona dilma”, em defesa da sanção, pela presidente Dilma Rousseff, do projeto aprovado pelo Congresso Nacional que distribui democraticamente os royalties do petróleo para todo o Brasil.

Segundo o prefeito Moacir Froehlich, se os royalties foram de fato divididos entre todos os municípios do país, Marechal Cândido Rondon poderá ter um incremento de aproximadamente R$ 6 milhões no seu orçamento já a partir do próximo ano.

O projeto deve ir à mesa da presidente Dilma na próxima quinta-feira (29).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *