O presidente Jair Bolsonaro confirmou hoje (5), durante evento no Palácio do Planalto, que fará 36 vetos na Lei de Abuso de Autoridade aprovada pela Câmara dos Deputados.

“Nós queremos combater o abuso de autoridade, mas não podemos botar um remédio excessivamente forte, de modo que venha a matar o paciente”, afirmou.

Ele disse ainda:

“Não estou afrontando o Parlamento, não quero fazer média com a população nem ceder ao clamor de parte de muitos que pedem o ‘veta tudo’. Não sou radical.”

O novo texto, com os vetos de Bolsonaro, ainda não foi divulgado. O prazo termina hoje.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *