O mundo assistiu nesta sexta-feira (15) atônico a mais um caso de crimes em massa. Dessa vez atingiu a Nova Zelândia, um país de 4,7 milhões de habitantes e um índice muito baixo de crimes contra vida.

O ataque a duas mesquitas promovido por um homem de 28 anos e transmitido ao vivo pelo Facebook, deixou pelo menos 49 mortos. O número é maior do que soma do total de assassinatos no país ao longo de um ano inteiro.

Em 2017, houve 35 homicídios em todo a Nova Zelândia. Neste século, o ano com mais assassinatos no país foi 2009, com 68 casos.

Para se ter ideia, o Brasil teve 63.880 mortes violentas em 2017. O país tem 209 milhões de habitantes.

Dado curioso: na Nova Zelândia, a venda de armas é liberada para maiores de 16 anos e não há registro dos armamentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *