Afinal, a mexerica deve ser descascada?

mexiricaEssa é a pergunta que se faz depois que a imagem de gomos de mexerica sendo vendidas em uma bandeja lacrada viralizou na internet esta semana.

Tudo começou na segunda-feira (13), quando um internauta publico a foto no Twitter, inconformado com tamanha praticidade. O debate logo se estendeu ao Facebook, com uma ampla discussão envolvendo adeptos do modo manual e clássico de descascar e comer a fruta, contra aqueles que defendem a comercialização de produtos bem embalados, de forma higiênica.

A discussão foi ainda além, a partir do momento que a foto se espalhou para outras regiões do Brasil. Na bandeja do supermercado dizia “mexerica”, mas muita gente conhecida a fruta por outro nome: bergamota, tangerina, polcam e até por mimosa.

Eu particularmente não vejo nenhum problema em vender a fruta em bandejas, já descascada. Eu nem gosto de bergamota mesmo. Ou seria de mexerica?

Campanha tímida nas redes sociais

O que era pra ser o grande diferencial para as eleições deste ano, as redes sociais até que estão sendo pouco utilizadas em Marechal Cândido Rondon e microrregião. É claro que, tanto para os candidatos, como para a própria Justiça, o ambiente virtual é uma novidade e, pela primeira vez, acompanhado de perto pelos eleitores.

A minha expectativa era de que as redes fossem mais utilizadas, especialmente neste período que antecede a propaganda eleitoral gratuita no rádio. Mas, das duas uma… ou os candidatos e partidos não se prepararam para utilizar estas ferramentas de forma inteligente ou o povo não quer mesmo saber nada de política. Continue lendo…

Recorde de acessos

Com menos de 3 anos de existência, o site de notícias AquiAgora.net superou na última semana a marca dos 10 milhões de acessos. O que impressiona, se for analisada a estatística do site, é como está aumentando o número de visitas, gradativamente. Se há algum tempo atrás parecia que o volume de acessos iria estagnar na média de 15 mil diários, hoje esta média já supera os 17 mil acessos por dia.

Os dados comprovam que cada vez mais as pessoas têm adotado a internet como fonte de informações. Pois, com toda certeza, quem acessa um site de notícias, não está atrás de entretenimento, mas quer informação.  Continue lendo…

Internet e redes sociais

Gradativamente a internet tem se transformado numa ferramenta de controle social nunca antes experimentada. As redes sociais, em especial, ganham cada dia mais espaço na vida das pessoas. Orkut, Facebook e Twitter são ferramentas que estão muito mais fortes do que a presença do antigo jornal de papel.

Vejamos só dois fatos desta semana, em Marechal Cândido Rondon, que repercutiram muito mais forte nas redes sociais do que na mídia digamos “oficial”.

Um foi o caso do valor dos ingressos da Oktoberfest. As pessoas se manifestaram como nunca através das redes sociais e das páginas de recados dos sites de notícias da cidade.

Outro caso foi a denúncia fotográfica de uma piscina particular sendo abastecida com água pelo caminhão do Corpo de Bombeiros. Além de ter saído em destaque num dos blogs de política mais renomados do Paraná, do jornalista Fábio Campana, a notícia repercutiu e gerou inúmeros comentários no Facebook e no Twitter.

Por isso eu digo e repito que o computador já se tornou um eletrodoméstico e a internet e, por consequência, as redes sociais, se tornaram uma ferramenta de mobilização social incontrolável. Se antes alguns poucos escolhidos pelos donos da mídia podiam se manifestar publicamente, hoje, com a internet, a possibilidade de manifestação está aberta para milhares de usuários, num grande exercício democrático.

Ataque de hackers

O site AquiAgora.net sofreu um ataque de hacker nesta quinta-feira, dia 4. O autor foi identificado como sendo do mesmo grupo que há algumas semanas invadiu sites do Governo Federal e de grandes empresas brasileiras.

Inicialmente o hacker apenas incluiu alguns anúncios junto com as notícias, visando obter benefícios financeiros. Quando a fraude foi percebida e corrigida, em represália, o hacker passou a apagar o conteúdo do site. Continue lendo…