Uma chalana foi instalada logo após a Ponte Ayrton Senna para servir de base para as lanchas usadas para interceptar embarcações de criminosos.

A estrutura faz parte da operação bloqueio do Rio Paraná iniciada pela Polícia Federal nesta terça-feira (9), visando intensificar o combate aos crimes transfronteiriços. Tal medida visa evitar a subida pelo Rio Paraná, a partir de Guaíra (PR), de produtos contrabandeados.

Participam desta operação policiais federais das delegacias de Guaíra, Maringá e Naviraí (MS), a Força Nacional de Segurança Pública e a Polícia Militar do Paraná.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *