Os piratas da comunicação fizeram mais uma vítima esta semana. O prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos, teve o celular clonado. Bandidos ligaram para pessoas da lista de contatos do prefeito, pedindo dinheiro emprestado. Pelo menos dois secretários municipais da cidade caíram no golpe.

Como outras pessoas desconfiaram, alertaram o prefeito, que já registrou queixa na polícia.

Este é um golpe que vem se tornando comum e faz muito mais vítimas que se imagina. Normalmente só vem a público quando atinge alguma figura mais conhecida, como o caso do prefeito de Cascavel. A vice-governadora do Paraná, Cida Borghetti, também foi vítima recente de golpe semelhante.