No final de semana passado um maluco americano chamado Mike Hughes pilotou um foguete que ele mesmo construiu para checar com os próprios olhos se de fato a Terra é redonda.

Ele gastou 1.500 horas trabalhando e cerca de R$ 65 mil. Parte do projeto foi financiada por um grupo de pessoas que defende a ideia de que a Terra é plana, os chamados “terraplanistas”.

A aeronave alcançou a altura de 571 metros (veja o vídeo), 10 mil metros menos que a maioria dos aviões. Para poder verificar se a Terra é redonda ele precisaria alcançar pelo menos 12 mil metros.

Mesmo se machucando as costas no pouso depois do lançamento frustrado, Mike, de 61 anos, promete continuar o projeto.