Está circulando na cidade um levantamento feito pelo Observatório Social sobre o impacto que o aumento do número de cadeiras na Câmara de Vereadores pode representar para os cofres do município. O levantamento foi feito com base nos gastos que a Câmara teve no primeiro semestre de 2011, somando folha de pagamento, diárias, treinamentos, material de expediente, publicidade, combustível, telefone, informática e gastos diversos.

Segundo o levantamento, cada vereador custa ao município uma média de R$ 20,3 mil por mês, ou seja, R$ 243 mil por ano e R$ 974 mil no mandato. Isso significaria dizer que 4 vereadores a mais custariam aos cofres do município, em 4 anos, a importância de R$ 3,8 milhões.

O Observatório foi ainda além e calculou o que daria pra ser feito com esse dinheiro: adquirir 31 ônibus escolares, ou 60 ambulâncias semi UTI, ou construir 97 casas populares, ou pagar o salário de 48 professores da rede pública, entre várias outras comparações.

One Reply to “O custo de mais 4 vereadores”

  1. Muito simples resolver isso, quando o número de vereadores foi reduzido a alguns anos não foi mexido no orçamento de nenhuma câmara de vereadores, é só não mexer no orçamento da câmara novamente. Se é possível não mexer com a redução, para que a partir da mesma os vereadores que ficam saiam ganhando também é possível não mexer com a ampliação. Basta redividir o orçamento atual por um número maior de mandatários diminuindo os privilégios dos mesmos.
    Assim, ampliamos a possibilidade de uma câmara mais democrática e não existe custo maior para os cofres públicos.
    Abraços!
    Luciano E. Palagano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *