“Se depender de mim, as portas estão abertas, os tapetes estendidos e eu estarei aqui para aplaudí-lo quando ele chegar. Mas a filiação é da vontade própria de cada um. Já houve algumas conversas, sim. Ele é um homem de bem. A decisão é dele, um ato pessoal e intransferível. Mas se ele decidir será muito bem vindo. O partido sempre recebe de braços abertos os homens de bem”.

Do Ministro do Trabalho, Carlos Lupi, sexta-feira (20), em Curitiba, falando sobre a possibilidade do ex-deputado Gustavo Fruet ingressar no PDT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *